5 erros de gestão que está a cometer

5 erros de gestão que está a cometer

É claro que todos estamos sujeitos a cometer erros, contudo, quando se trata de uma empresa os cuidados devem ser redobrados. Ao não ter todas as precauções alguns erros de gestão podem ser graves ao ponto de colocar em risco todo o negócio.

Assim, é crucial que o empresário conheça as principais falhas cometidas e aprenda com elas para que não aconteçam na sua empresa.

Com isto em mente, reunimos os 5 principais erros cometidos nas empresas, para que possa percebê-los e corrigi-los a tempo de salvar o seu negócio!

Gestão: Conheça os 5 principais erros cometidos na administração de empresas

Sabemos que gerir um negócio não é uma tarefa simples. Contudo, muitos ainda acreditam que é fácil e quando se apercebem das falhas que estão a ser cometidas pode ser tarde demais.

Veja a seguir os 5 erros mais comuns de gestão para não os cometer no seu negócio!

1 – Não separar as finanças pessoais das empresariais

Este erro é bastante comum, especialmente em empresas mais pequenas. O empresário iniciante costuma misturar as finanças pessoais com as da empresa, o que certamente vai criar muitos problemas ao longo do tempo.

A primeira regra é separar as finanças e garantir que a saúde financeira da sua empresa se mantenha sempre positiva. A disciplina é fundamental, mesmo para um novo empresário.

2 – Não ter registo financeiro das operações

Existem muitas operações financeiras ao gerir uma empresa, como compras, vendas, pagamentos… O registo de tais informações é essencial para que não perca o controlo das finanças.

Conhecer a fundo tudo o que acontece no seu negócio é imprescindível para uma gestão mais eficiente.

3 – Desconhecer custos e despesas do negócio

A produção de qualquer produto ou serviço envolve gastos e despesas. Todas as informações devem ser detalhadas pois servem de base para a definição de preços e para perceber o rumo que a empresa irá tomar.

É impossível saber o lucro do seu negócio, sem conhecer os custos e despesas envolvidas na produção do seu produto ou serviço.

4 – Não ter um planeamento estratégico

Muitos começam uma empresa sem o mínimo planeamento e o resultado pode ser catastrófico. Por isso, é muito importante fazer um plano estratégico que descreva os objetivos de crescimento ao longo do tempo.

Este planeamento envolve a criação de estratégias para que o negócio atenda às suas expectativas e cresça cada vez mais.

Deve ter sempre relatórios sobre os objetivos, missão da empresa, o que precisa para melhorar os resultados e o que o diferencia da concorrência. E lembre-se, não adianta planear se não colocar em prática.

A execução também é uma parte essencial da concretização. Algumas ações básicas de gestão ajudam nisso, como estabelecer rotinas, dividir as funções e responsabilidades e estar aberto a novas possibilidades.

5 – Deixar de se preparar para momentos de lucro baixo

Qualquer negócio passa por momentos bons e maus. Além de contar com uma boa gestão, o seu lucro também depende de fatores externos, como a economia do país e do mundo.

Em momentos de crise, naturalmente terá um lucro menor. A melhor forma de se preparar para estes momentos é ter uma margem de segurança para lidar com a situação tranquilamente.

Não se esqueça que mesmo que não tenha o lucro esperado é preciso pagar as contas da empresa. Isso significa que ao não ter uma reserva pode estar a correr um risco demasiado alto.

Tenha em consideração tudo o que listamos acima. Caso perceba que está a cometer um ou mais destes erros de gestão deve reavaliar a forma como conduz a sua empresa. O importante é corrigir falhas para não ter problemas mais graves no futuro!

No Comments

Post A Comment