Conheça as diferenças entre lucratividade e rentabilidade

Conheça as diferenças entre lucratividade e rentabilidade

Praticar uma boa gestão financeira passa por, necessariamente, conhecer as diferenças entre lucratividade e rentabilidade.

Muitas vezes, estas duas métricas são confundidas por analistas e gestores. Por isso, é preciso perceber quais são as principais diferenças entre elas antes de pensar em calculá-las.

É importante referir que ambas são necessárias para o sucesso financeiro de uma empresa. São uma espécie de medidor que ajuda a entender o que precisa de ser melhorado e ajudam na tomada de decisões.

Sem a medição correta destas métricas, o risco de erros aumenta e a organização, como um todo, passa a não ter uma visão real da situação financeira.

Falhas neste aspeto podem prejudicar e levar à falência. Por isso, a equipa responsável pelo setor administrativo-financeiro do negócio deve fazer um acompanhamento constante dos resultados.

Rentabilidade: O que é?

É um indicador ligado a um investimento inicial que serve para perceber o retorno que esse tal investimento é capaz de proporcionar a um negócio.

Neste caso, podemos perceber quanto do investimento inicial rendeu à empresa.

Para isso, é preciso ter como base a relação entre o lucro líquido e os investimentos realizados.

A rentabilidade ainda pode ser usada para avaliar se um investimento vale a pena para a organização. Também é importante ser calculada com base no resultado do caixa da empresa no fim do ano.

O que é lucratividade?

A lucratividade é um indicador que revela quanto a empresa efetivamente ganhou em relação a tudo o que recebeu. Ou seja, é a margem de lucro líquida.

Tecnicamente, é a relação entre o valor do lucro líquido e o valor das vendas em percentagem. Sendo os ganhos da empresa comparados à faturação.

Quando uma empresa comercializa um produto ou serviço, o preço praticado não é apenas destinado ao negócio. Há sempre custos com a mão de obra, estrutura, fabrico ou compra, impostos, entre outros que devem ser considerados.

A lucratividade é uma percentagem que revela a eficiência operacional da empresa.  Mostra se o negócio consegue cobrir os custos e ainda obter lucro com as vendas.

Lucratividade e rentabilidade: Conheça as principais diferenças

Como pode ver, o que estes dois fatores têm em comum é o facto de serem indicadores de desempenho que fornecem dados e assertividade à tomada de decisões.

O domínio dos conceitos permite aplicar as informações obtidas em prol da saúde financeira e operacional do negócio.

Apenas com as definições já é possível perceber algumas diferenças nítidas entre os dois aspetos.

A lucratividade compara o lucro final com a faturação das vendas da empresa. Já a rentabilidade compara o lucro final com os investimentos realizados.

Outra diferença importante é que a lucratividade depende de informações de custos, formação de preços e concorrência.

Estes aspetos são determinantes na altura de se verificar se a receita das vendas vai ser suficiente para cobrir custos e ainda obter o lucro pretendido.

Já a rentabilidade depende muito da capacidade de o negócio ter retorno com os recursos que investiu.

Isso significa que é totalmente possível que uma empresa seja rentável, mas tenha pouco lucro. E, o oposto também pode acontecer.

Dois indicadores relacionados, mas que refletem aspetos distintos do negócio.

Portanto, é fundamental que o gestor conheça e saiba calcular ambos.

Pois, com base nos resultados poderá analisar as métricas e adotar ações e estratégias direcionadas para as necessidades da empresa.

Percebeu a diferença entre lucratividade e rentabilidade? Conhecê-los a fundo será determinante para o sucesso do seu negócio.

No Comments

Post A Comment